08/02/2009

Sexta-feira - 14-8-2009
.
IV EEJMA

De 20 a 23 de agosto

em Anápolis

APRESENTAÇÃO

O Coletivo Jovem de Meio Ambiente de Goiás, em conjunto com a Diretoria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos/SEMDUS da Prefeitura Municipal de Anápolis, realiza o IV ENCONTRO ESTADUAL DE JUVENTUDE PELO MEIO AMBIENTE DE GOIÁS (EEJMA-GO), entre os dias 20 e 23 de agosto de 2009, no Clube da Associação Atlética do Banco do Brasil – AABB, em Anápolis - GO. O evento conta com o apoio da Gerência de Educação Ambiental da Secretaria Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos - Semarh.

O Encontro busca mobilizar jovens ambientalistas, que acreditam na construção de um mundo melhor, e fortalecer o Movimento de Juventude pelo Meio Ambiente em nosso Estado, promovido pelos Coletivos Jovens de Meio Ambiente de Goiás.

Em sua IV edição, o EEJMA-GO tem como foco o tema “As Políticas Públicas de Juventude e Meio Ambiente” e tem como pano de fundo o debate sobre o Cerrado. O objetivo é focar na importância da mobilização protagônica de jovens na garantia dos seus direitos, e aprofundar a discussão dos subtemas:
O Papel do Jovem na Gestão Ambiental Local – mobilizar a juventude para participar dos Conselhos Municipais de Meio Ambiente nas suas cidades, fortalecendo por sua vez o Sistema Nacional de Meio Ambiente (SISNAMA);
Programa Estadual de Juventude e Meio Ambiente - consolidar as ações da área realizadas pelo Estado em Política Pública, que hoje acontece de maneira pontual e fragmentada. A discussão deste subtema subsidiará ainda a Consulta Pública do Programa Nacional de Juventude e Meio Ambiente;
O Cerrado e as Questões Ambientais Locais - pretende dar maior visibilidade ao Bioma Cerrado, reforçando o movimento pela aprovação da PEC 115-150, reconhecendo o Cerrado e a Caatinga como patrimônio nacional.

Espera-se, portanto, mobilizar todos os setores da sociedade, abrindo portas para o diálogo intergeracional, entre jovens e instituições do poder público, ONGs e movimentos sociais, efetivando e garantindo Políticas Públicas voltadas para as questões Ambientais e da Juventude, unindo os laços entre estes atores, no enfrentamento da problemática socioambiental e na construção de sociedades sustentáveis.

Coletivos Jovens (CJ’s)
São grupos informais que reúnem jovens (quinze a vinte e nove anos), com o objetivo de envolver a juventude com a questão ambiental e desenvolver atividades relacionadas à melhoria do meio ambiente e da qualidade de vida. Esses coletivos são como redes locais, para articular pessoas e organizações, circular informação de forma ágil, pensar criticamente o mundo a partir da sustentabilidade, planejar e desenvolver ações e projetos, produzir e disseminar propostas, que apontem para sociedades mais justas e eqüitativas, dentre outras ações e realizações. Os Coletivos Jovens de Meio Ambiente (CJ) foram criados no ano de 2003, durante a realização da Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente (CNIJMA), realizada pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) e Ministério da Educação (MEC). Hoje, somente em Goiás existem XX CJ’s, atuantes.



OBJETIVO GERAL

Fomentar e fortalecer as ações do Coletivo Jovem de Meio Ambiente, possibilitando contribuir para a construção do Programa Estadual de Juventude pelo Meio Ambiente de Goiás, tendo como referencial a temática do Cerrado e das questões ambientais locais.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Fortalecer os Coletivos Jovens de Meio Ambiente de Goiás e suas ações;
integrar o movimento de juventude pelo meio ambiente com outras juventudes;
contribuir para a construção do Programa Estadual de Juventude pelo Meio Ambiente de Goiás;
possibilitar a discussão da juventude goiana acerca do seu papel na gestão ambiental local;
aprofundar nas discussões das Políticas Públicas de Juventude, em especial para as voltadas para a questão ambiental;
sensibilizar as juventudes, a partir de ações artístico-culturais, de maneira lúdica e emancipatória.


Garanta já sua inscrição, pois as vagas são limitadas. O evento contará com Palestras, Oficinas, Mini-cursos e Grupos de Trabalho para a construção do Programa Estadual de Juventude e Meio Ambiente.
Felizes os que participarão dessa festa!

=====

O que é o Coletivo Jovem de Meio Ambiente – CJ?

Os Coletivos Jovens de Meio Ambiente (CJs) nasceram em 2003, durante a Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente, promovida pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA) e Ministério da Educação (MEC). Os CJs foram co-responsáveis pela organização de todo processo de conferência nos estados, contribuindo no engajamento de outros jovens, seguindo o princípio “jovem educa jovem”.
Os Coletivos Jovens de Meio Ambiente “são grupos informais que reúnem jovens representantes ou não de organizações e movimentos de juventude que tem como objetivo envolver-se com a questão ambiental e desenvolver atividades relacionadas à melhoria do meio ambiente e da qualidade de vida. Esses coletivos são como redes locais, para articular pessoas e organizações, circular informação de forma ágil, pensar criticamente o mundo a partir da sustentabilidade, planejar e desenvolver ações e projetos, produzir e disseminar propostas, que apontem para sociedades mais justas e eqüitativas, dentre outras ações e realizações”, segundo “Coletivos Jovens de Meio Ambiente: Manual Orientador. MEC/2005”.

RESULTADOS INICIAIS

Compreendendo as ações do Coletivo Jovem de Meio Ambiente de Goiás, é importante destacar os principais resultados alcançados até o presente momento:
Realização dos Encontros de Juventude pelo Meio Ambiente de Goiás - 1ª edição em Goiânia (2006), 2ª edição em Silvânia (2007) e 3ª edição novamente em Goiana, em conjunto com o I Congresso Goiano de Educação Ambiental (2008) envolvendo cerca de 1000 jovens lideranças de todo o Estado;
realização de diversos encontros de formação do Coletivo Jovem de Meio Ambiente de Goiás, enraizando a Educação Ambiental por meio da formação de CJs Locais, presente em 30 municípios;
co-realização da I e II Conferência Estadual Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente, junto a SEDUC-GO, SEMARH-GO, IBAMA e Fórum de ONG’s Ambientalistas e construção da III Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente;
participação em diversos Encontros, Seminários, Conferências e Congressos, no âmbito da discussão de Juventude e Meio Ambiente e da Educação Ambiental;
parceria com o Programa “Vamos Cuidar do Brasil com as Escolas”, capacitando mais de 400 escolas de todo o estado de Goiás desde de 2003, formando as Comissões de Meio Ambiente e Qualidade de Vida nas Escolas – Com-Vida e a Agenda 21 nas Escolas;
realização do Evento: Os Olhares da Juventude sobre o “Tratado de Educação Ambiental” Encontro Nacional Preparatório para o VI Fórum Brasileiro de Educação Ambiental, reunindo jovens e educadores ambientais de todas as regiões do país – Pirenópolis, GO;
realização do Projeto Formando Com-Vidas 2008, financiado pelo FNDE/MEC e em parceria com a UNICAMP, SEDUC e IBAMA-GO que cria e fortalece, estas Comissões em 27 escolas públicas do estado de Goiás;
realização do I Ciclo de Debates sobre Mudanças Ambientais Globais, durante o mês de junho de 2008 em Goiânia, em parceria com a SEDUC-GO e IBAMA-GO;
coordenação da Rede de Educação e Informação Ambiental de Goiás (REIA-GO) desde 2007;
realização conjunta e secretaria do I Congresso Goiano de Educação Ambiental, reunindo mais de 1000 inscritos de todas as regiões do Estado e visitantes de diversos Estados Brasileiros;
coordenação da II Semana Integrada de Meio Ambiente de Goiás em junho de 2009, reunindo atividades de mais de 30 instituições da área ambiental de Goiás.
.
.
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário