12/12/2011


Câmara confere

medalha a defensores
do meio ambiente


A Câmara Municipal de Goiânia, por meio da Comissão do Meio Ambiente, presidida pelo vereador Mizair Lemes (foto) confere nesta quarta-feira, dia 14 de dezembro, as 20 horas, a Medalha do Mérito Ecológico Sulivan Silvestre de Oliveira a 35 personalidades goianas que se destacaram na preservação, sustentabilidade, divulgação das riquezas e importância do Bioma Cerrado. E estamos na lista!!!

.

Dentro da programação do evento será realizada uma feira de produtos oriundos do cerrado, a “ExpoCerrado”. A mostra será realizada de 12 a 16 de dezembro no Hall da Câmara.

SULIVAN SILVESTRE
.
O nome da medalha é uma homenagem ao falecido promotor Sulivan Silvestre de Oliveira (1963-1999) que se destacou no Ministério Público de Goiás como um pioneiro na defesa ambiental, além de outros relevantes trabalhos socioambientais.
.
Sulivan Silvestre (foto) nasceu em 1963 na cidade de Paranavaí, no Paraná. Aos 15 anos mudou-se com os pais para Goiânia, que se transferiram
para a capital para trabalhar com comércio de couro. Ingressou na faculdade de Direito aos 17 anos e aos 20 já estava formado.
.
Ele passou no concurso para promotor logo a seguir e foi o promotor mais jovem do Brasil, o que foi noticiado em vários veículos na época. Em 1997 Sulivan pediu licença do Ministério Público e aceitou o convite do governo federal para ser presidente da Funai.
.
No dia 1º de fevereiro de 1999 o bimotor Sêneca que levava Sulivan de Brasília para uma reunião com os índios fulni-ô e pankararu em Goiânia caiu a poucos minutos do aeroporto Santa Genoveva e foi consumido pelo fogo.



Nenhum comentário:

Postar um comentário